Liturgia Diária- 12/03/2016

SANTO DO DIA

São Gregório Magno

gregri2Nascido em Roma no ano 540, numa família nobre que muito o motivou à vida pública.

Gregório (cujo nome significa “vigilante”), chegou a ser um ótimo prefeito de Roma, pois era desapegado dos próprios interesses devido sua constante renúncia de si mesmo. Atingido pela graça de Deus, São Gregório chegou a vender tudo o que tinha para auxiliar os pobres e a Igreja.

São Bento exercia forte influência na vida de Gregório, por isso, além de ajudar a construir muitos mosteiros, entrou para a vida religiosa do “Ora et Labora”.

Homem certo, no lugar certo, este foi Gregório que era alguém de senso de dever, de medida e dignidade. Além da intensa vida interior, bem percebida quando escreveu sobre o ‘ideal do pastor’:” O verdadeiro pastor das almas é puro em seu pensamento. Sabe aproximar-se de todos, com verdadeira caridade. Eleva-se acima de todos pela contemplação de Deus.”

Com a morte do Papa da época, São Gregório foi o escolhido para “sentar” na Cátedra de Pedro no ano de 590, e assim chefiar com segurança a Igreja num tempo em que o mundo romano passava para o mundo medieval.

São Gregório Magno, Papa e Doutor da Igreja que conquistou o Céu com 65 anos de idade (no ano 604), deixou marcas em todos os campos, valendo lembrar que na Liturgia há o Canto Gregoriano, o qual eleva os corações a Deus, fonte e autor de toda santidade.

SÁBADO DA 4ª SEMANA DA QUARESMA

A estação de hoje reunia-se numa Igreja edificada sobre as ruínas de três templos pagãos, chamados do cárcere, porque era aí outrora uma masmorra. Isto só a partir do século VIII. Porque até aí reunia-se em São Lourenço em Lucina, donde as numerosas alusões à luz, porque as chamas que devoravam o Mártir foram sempre consideradas um símbolo da verdade que dissipou, em Roma, as trevas do paganismo.
Isaías, a quem devemos o Intróito e a Epístola, vê acorrer de todos os lados aqueles que procuram com a santa impaciência paragar sua sede que os devora nas fontes da graça e beneficiar os frutos da Redenção. Andavam nas trevas e procuravam a luz, até que a luz veio ao encontro deles e iluminou-os.
Jesus é a luz, diz o evangelho, e aquele que o segue não anda nas trevas. Deitemos fora da nossa alma o pecado e peçamos ao Senhor que nos ilumine.

LEITURAS/LESSONS

Leitura (Is 49, 8-15)

Leitura do profeta Isaías.

Eis o que diz o Senhor: no tempo da graça eu te atenderei, no dia da salvação eu te socorrerei, (Eu te formei e designei para fazer a aliança com os povos), para restaurar o país e distribuir as heranças devastadas, para dizer aos prisioneiros: Saí! E àqueles que mergulham nas trevas: Vinde à luz! Ao longo de todo o trajeto terão o que comer. Sobre todas as dunas encontrarão seu alimento. Não sentirão fome nem sede; o vento quente e o sol não os castigarão, porque aquele que tem piedade deles os guiará e os conduzirá às fontes. Tornar-lhes-ei acessíveis todas as montanhas, e caminhos atingirão as alturas. Ei-los que vêm de longe, ei-los do norte e do poente, e outros da terra dos sienitas. Cantai, ó céus; terra, exulta de alegria; montanhas, prorrompei em aclamações! Porque o Senhor consolou seu povo, comoveu-se e teve piedade dos seus na aflição. Sião dizia: O Senhor abandonou-me, o Senhor esqueceu-me. Pode uma mulher esquecer-se daquele que amamenta? Não ter ternura pelo fruto de suas entranhas? E mesmo que ela o esquecesse, eu não te esqueceria nunca.

Evangelho (Jo 8, 12-20)

Sequência do Santo Evangelho segundo João.

Naquele tempo, falou Jesus aos fariseus: Eu sou a luz do mundo; aquele que me segue não andará em trevas, mas terá a luz da vida. A isso, eles lhe disseram: Tu dás testemunho de ti mesmo; teu testemunho não é digno de fé. Respondeu-lhes Jesus: Embora eu dê testemunho de mim mesmo, o meu testemunho é digno de fé, porque sei de onde vim e para onde vou; mas vós não sabeis de onde venho nem para onde vou. Vós julgais segundo a aparência; eu não julgo ninguém. E, se julgo, o meu julgamento é conforme a verdade, porque não estou sozinho, mas comigo está o Pai que me enviou. Ora, na vossa lei está escrito: O testemunho de duas pessoas é digno de fé (Dt 19,15). Eu dou testemunho de mim mesmo; e meu Pai, que me enviou, o dá também. Perguntaram-lhe: Onde está teu Pai? Respondeu Jesus: Não conheceis nem a mim nem a meu Pai; se me conhecêsseis, certamente conheceríeis também a meu Pai. Estas palavras proferiu Jesus ensinando no templo, junto aos cofres de esmola. Mas ninguém o prendeu, porque ainda não era chegada a sua hora.

In English

Lesson (Is. 49: 8-15)

Lesson from Isaias the Prophet.

Thus saith the Lord, In an acceptable time I have heard thee, and in the day of salvation I have helped thee: and I have preserved thee, and given thee to be a covenant of the people that thou mightest raise up the earth, and possess the inheritances that were destroyed; that thou mightest say to them that are bound. Come forth; and to them that are in darkness, Show yourselves. They shall feed in the ways, and their pastures shall be in every plain. They shall not hunger, nor thirst, neither shall the heat nor the sun strike them; for He that is merciful to them shall be their shepherd, and at the fountains of waters He shall give them drink. And I will make all My mountains a way, and My paths shall be exalted. Behold these shall come from afar, and behold these from the north and from the sea, and these from the south country. Give praise, O ye heavens, and rejoice, O earth; ye mountains give praise with jubilation: because the Lord hath comforted His people, and will have mercy on His poor ones. And Sion said, The Lord hath forsaken me, and the Lord hath forgotten me. Can a woman forget her infant, so as not to have pity on the son of her womb? and if she should forget, yet will not I forget thee: saith the Lord almighty.

Gospel (John 8: 12-20)

The continuation of the holy Gospel according to John. 

At that time, Jesus spoke to the multitudes of the Jews, saying, “I am the light of the world: he that followeth Me, walketh not in darkness, but shall have the light of life.” The pharisees therefore said to Him, Thou givest testimony of Thyself; Thy testimony is not true. Jesus answered and said to them. “Although I give testimony of Myself, My testimony is true, for I know whence I come, and whither I go; but you know not whence I come, or whither I go. You judge according to the flesh: I judge not any man. And if I do judge, My judgment is true; because I am not alone, but I and the Father that sent Me. And in your law it is written, that the testimony of two men is true. I am one that giveth testimony of Myself; and the Father that sent Me giveth testimony of Me.” They said therefore to Him, Where is Thy Father? Jesus answered, “Neither Me do you know, nor My Father: if you did know Me, perhaps you would know My Father also.” These words Jesus spoke in the treasury, teaching in the temple: and no man laid hands on Him; because His hour was not yet come.

Anúncios

Comente o post

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s