Liturgia Diária- 21/09/2018

SÃO MATEUS, Apóstolo e Evangelista

Festa de 2ª Classe- Missa Própria

No momento em que Jesus chamou Mateus para O seguir, era ele um publicano, cobrador de impostos por conta dos romanos. Compreende-se o odioso duma profissão que lembrava aos judeus a sua dependência; o publicano era também considerado pelos fariseus como o tipo do pecador. Porém nada disto deteve Jesus. A narração evangélica sublinha a bondade e a magnanimidade com que cumpriu a sua missão de Salvador. 

S. Mateus é-nos, sobretudo, conhecido como evangelista. Foi ele o primeiro a pôr por escrito os ensinamentos do Senhor e a história de sua vida. Fê-lo em aramaico, a língua que falava Nosso Senhor. O nome de São Mateus encontra-se no cânon da Missa, no grupo dos apóstolos. 


SEXTA-FEIRA DAS TÊMPORAS DE SETEMBRO

Comemoração- Missa do dia com 2ªs orações próprias

O jejum penitencial, que a Igreja nos impõe, postula a conversão de coração, conversão sincera a Deus, que o profeta Oseias reclamava aos Judeus (epístola). É esta conversão que dá, com a amizade de Deus, a alegria de viver em sua presença (introito e epístola). O evangelho vem depois demonstrar até onde chega o perdão: ninguém perdoa, como Deus perdoa. Nesta véspera de ordenações, todos se devem lembrar de dar graças a Deus, por Ele continuar, por meio dos seus sacerdotes, a obra de perdão e conversão que veio realizar à terra.


Páginas 1295 a 1297 e 675 a 677 do Missal Quotidiano.


Missa na Capela Nossa Senhora de Lourdes às 18:30 horas.


Continuar lendo

Anúncios

Liturgia Diária- 20/09/2018

SANTO EUSTÁQUIO E COMPANHEIROS, Mártires

Comemoração- Missa “Sapientiam” com 2ªs orações da Féria

st-eustachius

O culto de Santo Eustáquio ou Eustato, introduziu-se em Roma durante a alta Idade Média. Os seus numerosos biógrafos tem se comprazido em multiplicar os fatos maravilhosos que teriam ilustrado a sua vida e martírio. Em mais dum ponto se aparentam com os da vida de Santo Humberto, particularmente o episódio da caça ao veado, em que o animal para de súbito, deixando ver entre as hastes a imagem de Jesus crucificado.  Continuar lendo

Liturgia Diária- 19/09/2018

QUARTA-FEIRA DAS QUATRO TÊMPORAS DE SETEMBRO

Féria de 2ª Classe- Missa Própria

As Quatro-Têmporas de Setembro são conjuntamente dias de jejum e momentos de jubilosa ação de graças. Lembram aos judeus a dupla promulgação da Lei, à saída do Egito e depois do cativeiro da Babilônia. Lembram aos cristãos a proteção permanente de Deus concedida ao seu povo, e a sua libertação. A ação de graças pelas colheitas do ano vai unir-se à evocação dos antigos benefícios de Deus. 


SÃO JANUÁRIO, Bispo E COMPANHEIROS, Mártires

Comemoração – Missa do dia, com 2ªs orações da Missa “Salus autem”

S. Januário, que a lenda nos apresenta como morto em Pouzzoles, perto de Nápoles, é um bispo de Benavente, na Campânia. Mais dois bispos de Benavente tiveram este nome durante a primeira metade do século IV; pode ser que aqui se trate do primeiro, martirizado aí por volta de 305. O martirológio romano dá-lhe como companheiros de suplício Sócio, Prócolo, Eutíquio e Acúcio. 

São Januário é patrono principal de Nápoles. A sua fama vem sobretudo do milagre da liquefação do seu sangue, que se repete três vezes no ano, e às vezes mais. O fenômeno ainda não foi explicado naturalmente.


Páginas 670 a 675 836 a 839 do Missal Quotidiano.


Missa na Capela Nossa Senhora de Lourdes às 18:30 horas.


Continuar lendo

Liturgia Diária- 18/09/2018

SÃO JOSÉ DE CUPERTINO, Confessor

Festa de 3ª Classe- Missa Própria

São José de Cupertino é um dos santos mais extraordinários da Ordem de São Francisco. Nascido em 1603 em Cupertino, no antigo reino de Nápoles, parecia desprovido das qualidades intelectuais indispensáveis para ser religioso. Foi, todavia, recebido pelos Franciscanos Conventuais como irmão converso, e recebeu mesmo o sacerdócio. Estava animado dum imenso amor de Deus e do próximo, duma paciência a toda prova. Tornou-se célebre pelos seus êxtases. Morreu em Osimo, na Itália Central, a 18 de setembro de 1663.

Continuar lendo